Saúde mental e perda auditiva têm relação

Atualmente, o cuidado com a saúde mental está recebendo mais atenção dos profissionais de saúde. Uma grande parcela para isso, se deve ao isolamento social que estamos vivendo a mais de 1 ano.

A pandemia da COVID-19, infelizmente, forçou pessoas a se distanciarem de seus trabalhos, amigos e até mesmo familiares, especialmente os adultos mais velhos. Com isso, ficou comprovado que a solidão é tão prejudicial para a saúde quanto fumar 15 cigarros por dia.

Já para as pessoas que possuem perda auditiva, além de todo o momento atual, existe um maior risco de isolamento social e solidão.

A perda auditiva pode causar uma sensação de mal estar, desconexão ou isolamento entre família e amigos. Esse também é mais um motivo para tratar sua perda auditiva e se colocar em uma posição melhor para evitar a solidão e todas as suas consequências prejudiciais.

Para evitar que a perda auditiva gere conflitos, procure um profissional de saúde para verificar e realizar todos os procedimentos necessários, como exames e testes com os aparelhos. A adaptação com aparelhos auditivos é um processo que traz bons resultados.

Você que saber mais informações?

Fale conosco pelo whatsapp